Agora é lei: São Raimundo é patrimônio cultural, histórico e imaterial de Santarém

O São Raimundo Esporte Clube, ou Pantera, agora é considerado patrimônio imaterial cultural de Santarém. O clube passa a ser um dos bens culturais e o município terá a obrigação de cuidar e preservar para que o clube Alvinegro não se extinga.

A lei 20.414 é de autoria do vereador Alyson Pontes. O documento foi votado e sancionada pelo prefeito de Santarém, Nélio Aguiar na quarta-feira (30). O objetivo da criação da Lei é reconhecer a importância do clube no cenário esportivo, cultural, histórico e econômico da cidade.

O São Raimundo foi criado em 9 de janeiro de 1944 e se tornou uma das maiores forças do futebol nortista, principalmente após ter conquistado a primeira edição da Série D do Campeonato Brasileiro.

Em 2018 o Pantera disputou o Campeonato Paraense e a Série D, mas acabou sendo eliminado da competição nacional ainda na fase de grupos. A boa campanha no estadual garantiu ao São Raimundo vagas no Parazão, Copa do Brasil e Série D na próxima temporada.

fonte: G1 Santarém

Comente com o Facebook
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
Compartilhe

Post Author: Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *